segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Pai, o Senhor é bom e o seu amor dura para sempre.

A bondade de Deus para com Israel
1 Aleluia!
Deem graças ao Senhor, porque ele é bom e o seu amor dura para sempre.
2 Quem pode contar todas as coisas maravilhosas que ele tem feito? Quem pode louvá-lo como ele merece?
3 Felizes são aqueles que vivem uma vida correta, aqueles que sempre fazem o que é certo!
4 Lembra de mim, ó Senhor, quando abençoares o teu povo; e, quando o libertares, liberta-me também a mim.
5 Deixa que eu veja o teu povo progredir e que eu tome parte na felicidade da tua nação, na alegria daqueles que pertencem a ti.
6 Nós temos sido maus e perversos; pecamos como os nossos antepassados pecaram.
7 Quando estavam no Egito, eles não entenderam os feitos maravilhosos de Deus.
Esqueceram que muitas vezes ele havia mostrado o seu amor por eles, e eles se revoltaram perto do mar, o mar Vermelho.
8 Mas, para mostrar o seu grande poder, ele os salvou, como havia prometido.
9 O Senhor Deus deu ordem, e o mar Vermelho secou; ele fez com que eles o atravessassem
como se estivessem pisando terra seca.
10 Ele os livrou das mãos daqueles que os odiavam; ele os salvou dos seus inimigos.
11 As águas cobriram os inimigos; não escapou nem um.
12 Então o seu povo acreditou nas promessas de Deus e cantou louvores a ele.
13 Mas logo esqueceram o que Deus tinha feito e agiram sem esperar o seu conselho.
14 No deserto, eles se deixaram levar pelos seus desejos e puseram Deus à prova.
15 Então ele deu o que pediram, mas lhes mandou também uma doença terrível.
16 Ali, no seu acampamento, eles ficaram com inveja de Moisés e também de Arão, o sacerdote dedicado ao serviço do Senhor.
17 Então a terra se abriu e engoliu Datã;  Abirão e a sua família também foram engolidos.
18 Fogo desceu sobre os seguidores deles e queimou aquela gente má.
19 No monte Sinai os israelitas fundiram um bezerro de ouro e adoraram aquele ídolo que haviam feito.
20 Trocaram a glória de Deus pela imagem de um animal que come capim.
21 Eles esqueceram de Deus, o seu Salvador, que havia feito coisas maravilhosas no Egito.
22 Que coisas extraordinárias Deus fez ali! Que coisas espantosas fez no mar Vermelho!
23 Depois Deus disse que ia destruir os israelitas; porém Moisés, o seu servo escolhido, enfrentou Deus e não deixou que a sua ira os destruísse.
24 Mais tarde, porque não acreditaram na promessa de Deus, eles não quiseram entrar em Canaã, aquela terra tão agradável.
25 Eles ficaram nas suas barracas se queixando e não quiseram dar atenção a Deus, o Senhor.
26 Então o Senhor lhes deu um aviso solene: ele os faria morrer no deserto, 27 espalharia os seus descendentes entre as nações pagãs, deixando que morressem em países estrangeiros.
28 Depois o povo de Deus se ajuntou no monte Peor para adorar o deus Baal, e eles comeram da carne dos sacrifícios oferecidos a deuses sem vida.
29 Com as suas ações, eles fizeram com que Deus ficasse irado e foram atacados por uma doença terrível.
30 Mas Fineias castigou o culpado, e a doença acabou.
31 Todos têm lembrado dessa boa ação de Fineias, e as gerações futuras nunca esquecerão delas.
32 Depois, nas fontes de Meribá, o povo fez com que Deus ficasse irado, e quem sofreu por causa disso foi Moisés.
33 Eles fizeram com que Moisés ficasse tão irritado, que ele disse coisas que não devia.
34 Eles não mataram os pagãos como o Senhor Deus tinha mandado, 35 mas casaram com aquela gente e imitaram os seus costumes pagãos.
36 O povo de Deus adorou ídolos e por causa disso foi destruído.
37 Eles ofereceram os seus próprios filhos e filhas como sacrifício a deuses pagãos.
38 Mataram aquelas crianças inocentes, os seus próprios filhos e filhas, como sacrifício aos ídolos de Canaã. E o país se tornou impuro por causa desse sangue. 
39 Fazendo essas coisas, eles se corromperam e foram infiéis a Deus.
40 Então o Senhor ficou irado com o seu povo, ficou muito aborrecido com eles.
41 Ele os abandonou nas mãos dos pagãos, e estes os dominaram.
42 Os israelitas foram maltratados pelos seus inimigos e ficaram debaixo das ordens deles.
43 Muitas vezes Deus livrou o seu povo, mas eles preferiram se revoltar contra ele e se afundar ainda mais no pecado.
44 Porém, quando pediram a sua ajuda, Deus os ouviu e se voltou para eles quando estavam aflitos.
45 Por causa deles, Deus lembrou da sua aliança e, por causa do seu grande amor, ele mudou de ideia.
46 Deus fez com que aqueles que os levaram como prisioneiros tivessem pena deles.
47 Ó Senhor, nosso Deus, liberta-nos! Tira-nos do meio dos pagãos e leva-nos de volta para a nossa terra.
Assim nós te daremos graças e com prazer te louvaremos, ó Santo Deus.
48 Louvemos o Senhor, o Deus de Israel.
Louvem o Senhor agora e sempre. Que todos os povos da terra digam:
“Amém”! Aleluia!