terça-feira, 1 de setembro de 2015

Amiga...

Amiga...
Sei o quanto a vida nos machuca...
Sei o quanto a solidão nos assola... 
E as vezes o quanto é difícil carregar esse peso nos ombros...
Olhamos para todos os lados...
E tudo o que o nosso olhar encontra é uma escuridão, sem nenhuma esperança de luz...
Eu sei o quanto é difícil manter o sorriso 
E o quanto é doloroso costura-lo nos lábios para que ninguém perceba a nossa dor...
Eu sei amiga...
Mas eu também sei... que tudo passa...
Sei que o amor cura dores...
Sei que as cicatrizes ficam... e o quanto é necessários olha-las sem chorar novamente... sim é necessário... olha-las sem sofrimento, sem dor.... apenas olha-las... no mais, convertê-las em experiencias, aprendizado e crescimento.... nada mais podemos fazer....
Então, eu te peço... seja forte....
Aguenta firme.... isso é apenas uma ventania...vai passar...
O nosso Pai mandou te lembrar:
“Será que uma mãe pode esquecer o seu bebê? Será que pode deixar de amar o seu próprio filho?
Mesmo que isso acontecesse, eu nunca esqueceria você."
Fica bem amiga... tenha fé...
Te amo!









Rosa Soares