quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Eu amo a Deus, o Senhor, porque ele me ouve...

1 Eu amo a Deus, o Senhor, porque ele me ouve; ele escuta as minhas orações.
2 Ele me ouve sempre que eu clamo pedindo socorro.
3 Os laços da morte estavam me apertando, os horrores da sepultura tomaram conta de mim, e eu fiquei aflito e apavorado.
4 Então clamei ao Senhor, pedindo: 
“Ó Senhor Deus, eu te peço: Salva-me da morte!”
5 O Senhor é bondoso e fiel; o nosso Deus tem compaixão de nós.
6 O Senhor protege os que não podem se defender.
Quando eu estava em perigo, ele me salvou.
7 Meu ser inteiro, continue confiando em Deus, o Senhor, pois ele tem sido bom para mim!
8 Deus me livrou da morte, fez parar as minhas lágrimas e não deixou que eu caísse na desgraça.
9 Por isso, no mundo dos que estão vivos, viverei uma vida de obediência a ele.
10 Eu continuei crendo, mesmo quando disse: “estou completamente esmagado.”
11 Não parei de crer, mesmo quando afirmei, sem pensar: “não se pode confiar em ninguém.”
12 Que posso eu oferecer a Deus, o Senhor, por tudo de bom que ele me tem dado?
13 Levarei ao Senhor uma oferta de vinho para lhe dar graças porque me salvou.
14 Na reunião de todo o seu povo eu lhe darei o que prometi.
15 O Senhor Deus sente pesar quando vê morrerem os que são fiéis a ele.
16 Ó Senhor, eu sou teu servo; eu te sirvo, como te servia a minha mãe.
Tu me livraste da morte.
17 Eu te darei uma oferta de gratidão e a ti farei as minhas orações.
18-19 Na reunião de todo o teu povo, nos pátios do teu Templo, em Jerusalém, eu te darei o que prometi.
Aleluia!