quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Saudades...

Ela não tem cheiro...
Não tem cor...
É tão forte quanto... O amor!
Hoje eu a senti bem mais perto...
Lágrimas me veio aos olhos...
Vontade de gritar...
Chamar teu nome... eu não sei ao certo!
Perdida deixei as lágrimas caírem..
Na certeza que assim...
Iria fazer todas as minhas dores sumirem!
Mas não aconteceu
Repito, EU TE AMO
Não te falar mais essa palavra amanhã...
É a minha vontade...
Se eu não conseguir...
Acho que vou morrer de SAUDADE!

Rosa Soares