sexta-feira, 28 de agosto de 2015

A Esperança...


A Esperança não murcha, ela não cansa, 
Também como ela não sucumbe a Crença, 
Vão-se sonhos nas asas da Descrença, 
Voltam sonhos nas asas da Esperança.

Augusto dos Anjos

Postado G+ por: Sentimentos em Poesias