sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

O Senhor Deus me ensina o que devo dizer...

O sofrimento e a fidelidade do servo de Deus
4 O Senhor Deus me ensina o que devo dizer a fim de animar os que estão cansados.
Todas as manhãs, ele faz com que eu tenha vontade de ouvir com atenção o que ele vai dizer.
5 O Senhor Deus me deu entendimento, e eu não me revoltei, nem fugi dele.
6 Ofereci as minhas costas aos que me batiam e o rosto aos que arrancavam a minha barba.
Não tentei me esconder quando me xingavam e cuspiam no meu rosto.
7 Mas eu não me sinto envergonhado, pois o Senhor Deus me ajuda.
Por isso, eu fico firme como uma rocha e sei que não serei humilhado, 8 pois o meu defensor está perto.
Alguém tem uma causa contra mim?
Então vamos juntos ao tribunal.
Alguém quer me processar?
Que venha e apresente a sua acusação!
9 O Senhor Deus é quem me defende, e por isso ninguém poderá me condenar.
Todos os meus inimigos desaparecerão; serão como um vestido que as traças destruíram.
10 Escutem, vocês que temem o Senhor e obedecem às ordens do seu servo: se o caminho em que andam é escuro, sem nenhum raio de luz, confiem no Senhor,
ponham a sua esperança no seu Deus.
11 Mas vocês que acendem uma fogueira e se armam com flechas incendiárias, todos vocês cairão no fogo que acenderam e serão mortos pelas suas próprias flechas.
O Senhor mandará esse castigo; um sofrimento horrível os espera.