domingo, 13 de novembro de 2016

O MUNDO INVISÍVEL DE UMA MULHER - Página 53

Todos nós passamos por algumas provas de fogo, precisamos delas, muita dor... não vou dizer que é fácil, mas posso garantir que não é impossível.
Muitos pensam que o que faço é vingança, eu chamo de AMOR, a quase primeira vítima que conheci desse sociopata Marcelo Ramos, eu sentia a dor da decepção dela, quase primeira vítima porque eu não deixei que acontecesse, e foi a partir daí que eu vi a necessidade de fazer o que faço, mas quem acompanha páginas da minha vida sabe que em nenhum momento eu priorizo um sentimento que não seja o que vivo e prego. Seria desumano da minha parte passar por cima das dores dessas mulheres. 
Comecei falando sobre as provas de fogo, porque foi assim que aprendi a falar com Deus. Sim eu falo com Ele todos os dias e todos podem fazer o mesmo, eu não sou diferente de ninguém, apenas busco. Mas dentro dessa busca, é preciso manter o coração puro para que essa conexão aconteça. A solidão me ajudou muito também, e ainda ajuda.
Há uns quinze dias atrás, eu estava deitada e olhando para o teto na escuridão do meu quarto perguntei a Ele, Pai, diante de tudo que estou vivendo, o que será que o Eduardo pensa hoje de mim.... (risos), eu tenho essas coisas, mas sou normal, e assim só havia um jeito de saber a resposta, liguei o abajur na cabeceira da cama, tirei o óculos, sou míope, de perto enxergo melhor sem eles,  abri a Bíblia e meus olhos bateu em cima deste texto:

Eclesiástico, 26
1.Feliz o homem que tem uma boa mulher, pois, se duplicará o número de seus anos.
2.A mulher forte faz a alegria de seu marido, e derramará paz nos anos de sua vida.
3.É um bom quinhão uma mulher bondosa; no quinhão daqueles que temem a Deus, ela será dada a um homem pelas suas boas ações.
4.Rico ou pobre, (o seu marido) tem o coração satisfeito, e seu rosto reflete alegria em todo o tempo.

Fico impressionada, me achando quase uma louca e feliz da vida... Eu entendo o que vocês pensam (risos), entendo sim...
E não para por aí, combinei com um funcionário de almoçarmos juntos em um sábado, eu, ele e sua esposa, enquanto esperava eu conversava com Deus e falei assim: Pai, quero beber hoje, posso? Olha, se não for a tua vontade, não deixa que eles nem cheguem aqui, mas ele deixou, demoraram um pouco, mas chegaram, assim saímos, eles são evangélicos e pediram uma água mineral com gás, eu hummmm pedi uma cerveja, e assim passamos um dia maravilhoso, almoçamos e bebi muito, perto de casa, não precisei pegar o carro, voltamos andando, na porta nos despedimos e eu entrei, fui olhar os meninos, dar a comida deles, peguei, beijei, mas não via a hora de deitar.... Acordo de madrugada, acho que uma hora da manhã, não durmo mais que cinco horas, isso é bom, para quem antes dormia apenas uma. Acordei com uma ressaca braba ( risos) um tanto quanto sem graça abri a Bíblia e falei, Pai você vai brigar comigo não é? Nossa, o olho bateu em cima deste texto, e se eu disser que li uma outra fase que não fosse estaria mentindo, foi em cima: 

Provérbios 20 
1 Quem bebe demais fica barulhento e caçoa dos outros; o escravo da bebida nunca será sábio.

O que posso falar mais (risos)
Eu amo o meu Deus.


Página 53